30 de dezembro de 2011

ATLÂNTIDA, REINO PERDIDO

Nada como o mar...ele inspira poetas, escritores, músicos.
Atlântida dos semi-deuses, das sereias douradas...de um pescador que parte toda manhã em busca de um tesouro perdido no fundo do mar...como mostra a música.
Confira. Vou curtir a virada e um novo ano na praia de Atlântida.
Um ótimo 2012 a todos os leitores desse blog.



Segue o blog. Na sintonia com 2012.

25 de dezembro de 2011

DOMINGÃO

Depois das festas, o calmo domingo em Porto Alegre pode continuar com as lembranças de ontem ou, quem sabe, terminar em pizza: mezzo romântico, mezzo sertanejo.










Segue o blog...

24 de dezembro de 2011

SONORIZANDO O NATAL

Enquanto o dia passa sem pressa e você prepara algo para noite de hoje, a música rola no kit.
Vale a pena ouvir de novo um dos melhores vídeos postado no kit de ideias em 2011..."Just a kiss"



Segue o blog...

UM KIT DE NATAL

O sábado amanhece nublado com temperatura um pouco mais fria em Porto Alegre.
A manhã começa com lembranças, presentes, com ritmo de festa e aromas que contornam esse dia especial. O Natal pode ser comemorado de várias formas, com a família, com amigos e o que vale é essa união. Ele sempre me transporta a muitas lembranças e faz com que cada ano seja um reflexo do que estamos vivendo. O Natal conta a história, guarda um sabor, dança numa música, é como um filme gravado em nossa memória, é como reler um poema. E as crianças preservam toda essa magia.

Segue o blog...Boas Festas!

23 de dezembro de 2011

NA LISTA

Nem sempre a música que você gosta está em primeiro lugar nas paradas.
Nem sempre o livro que você mais gostou é o preferido.
Isso acontece também com os filmes.
Nem sempre aquela pessoa que você admira é também escolhida por outra pessoa.
O que importa, portanto, é terminar esse ano com saúde e amor. Isso é o que importa. E deve estar em primeiro lugar na sua lista.
Todas as músicas que circularam e que você curtiu ou não no kit foram sugestões de amigos, indicações e muitas foram escolhas minha. Sempre me ligo em alguma música entre 10 que ouço. Muitas vezes gasto a música de tanto ouvi-la, mas aquilo me faz bem. Por exemplo, esta letra linda de Nei Lisboa.
Pode curtir mais um pouco de "Pra te lembrar"



Segue o blog...sonorizando as boas festas.

21 de dezembro de 2011

O NOVO E O VELHO AMIGO SECRETO

Amigo secreto, oculto ou invisível. Pelo mundo espalham-se várias denominações e variantes, brincadeira que se popularizou em 1929, em plena depressão, com a falta de dinheiro para comprar presentes. Achou-se uma solução razoável, todos ganhariam pelo menos um pacotinho.
Conta-se a história de uma moça que apaixonou-se pelo colega de trabalho. Ele nem desconfiava. Na hora do sorteio do amigo secreto, quando o pote chegou até ela, foi uma tentação. Ela devolveu duas vezes os nomes retirados, alegando ser o dela. No terceiro, veio o nome do colega. Enfim na festa natalina ela compraria algo para ele.
Caminhou dias pela rua sem destino, olhando vitrines. Sabia seus gostos, qualidades, defeitos, tudo por pura observação. Na hora da festa colocou o presente numa caixa. Nada mais emocionante que abrir uma caixa, estas que estão na moda. Puxar o belo tope e abrir o pacote. Bem que poderia ser um livro, mas de dentro saiu algo inusitado. Todos olhavam. Ele suou nas mãos. Era um enfeite, um pote, tom vermelho, parecia enroscado, sem nexo. Aqueles presentes que a gente abre e delicadamente agradece, sem saber o que é. A colega sorria por dentro. Imaginava o enfeite na entrada da casa, onde ele, abrindo a porta todo dia, não a esqueceria. A imaginação voou bem longe.
O sentimento pode se manifestar de várias formas. Tudo isso faz parte do amor.
Hoje talvez ela não fizesse essa manobra toda, com a nova versão eletrônica do amigo secreto. As pessoas são cadastradas no sistema, o sorteio é automático, permitindo ainda deixar mensagens ao amigo online. Então ela poderia encontrar um novo amigo pelo caminho. Às vezes, o destino encarrega-se de direcionar outra pessoa. E a surpesa também faz parte de nossas vidas.


Segue o blog...

17 de dezembro de 2011

16 de dezembro de 2011

TRILHA SONORA

Para curtir esse final do dia com muita chuva...
"Memória do Prazer" com Jorge Vercillo e Ninah Jo, da novela Fina Estampa.



Segue o blog...

14 de dezembro de 2011

O KIT É SHOW

Erasmo Carlos se apresenta em Porto Alegre, dia 17 de dezembro às 21 hs no Teatro do Bourbon Country. Vamos curtir algumas músicas, que encerram a turnê nacional do cantor.


Festa de arromba



Sentado à beira do caminho



Segue o blog...

13 de dezembro de 2011

SOM NO KIT DE TERÇA

Para curtir...ouça a dica de Camila e Luiza Freitas: "Dancing in the moonlight"




Segue o blog...

11 de dezembro de 2011

MAIS SOM NO DOMINGO

Paula Fernandes esteve em Porto Alegre e fez sucesso.
Nosso lado romântico pode fazer sucesso também. Por que às vezes não podemos ser um pouco sertanejos?
"Pra você" que gosta de curtir esse som...




Segue o blog...

10 de dezembro de 2011

SOM NO KIT DE SÁBADO

The Script é uma banda de pop rock/rock alternativo de Dublin, Irlanda.
Atualmente vivem em Londres, depois de assinar contrato com a gravadora RCA Label Group Phonogenic. O álbum de estreia do The Script foi lançado em agosto de 2008.
Ouça "Breakeven" com The Script...




Segue o blog...

DOS AMIGOS


BONS AMIGOS
Abençoados os que possuem amigos, os que os têm sem pedir.
Porque amigo não se pede, não se compra, nem se vende.
Amigo a gente sente!

Machado de Assis


"Procura-se um amigo para gostar dos mesmos gostos, que se comova quando
chamado de amigo. Que saiba conversar de coisas simples, de orvalhos, de
grandes chuvas e das recordações da infância.
Preciso de um amigo para não enlouquecer, para contar o que vi de belo e triste
durante o dia, dos anseios e das realizações, dos sonhos e da realidade.
Deve gostar de ruas desertas, de poças d´água e de caminhos molhados, de beira de estrada, de mato depois da chuva, de se deitar no capim. Preciso de um amigo que diga que vale a pena viver, não porque a vida é bela, mas porque já tenho um amigo.
Preciso de um amigo para parar de chorar. Para não viver debruçado no passado em busca de memórias perdidas.
Que bata nos ombros sorrindo e chorando, mas que me chame de amigo, para que eu tenha a consciência de que ainda vivo"
Vinicius de Moraes



DA DISCRIÇÃO
Não te abras com teu amigo
Que ele um outro amigo tem.
E o amigo do teu amigo
Possui amigos também...
Mario Quintana


Segue o blog...

9 de dezembro de 2011

NADA SEI

Ela estava apressada. Compromissos de final de ano, happy hour, amigo secreto, jantar da empresa, festa de Natal com a família. Sempre correndo, tentava compactar o ano todo em uma semana. Comprando um presente, lembrou daqueles amigos que falava pela internet. Lembrou de quantos e-mails enviou, quantas mensagens, quantos livros leu, quantas frases de efeito e músicas lhe acompanharam durante todo o ano. Final de ano seria hora de parar para pensar. Despedidas, encontros, descobertas. Hora de contabilizar. Mas não sabemos fazer isso. Parece que nada sabemos. E nunca aprenderemos. Somos errantes. Sempre na estrada, sempre distante...





Segue o blog...

8 de dezembro de 2011

KIT PINTURA

O Google de hoje homenageia Diego Rivera, um dos maiores pintores mexicanos, que nasceu dia 08 de dezembro de 1886, em San Angel, cidade do México. Diego começou a trabalhar num ateliê em Barcelona, casou-se duas vezes e suas esposas também foram pintoras. Ao longo de sua vida, criou mais de 2 mil danças, 5 mil peças de roupas e cerca de 4 mil metros quadrados de pintura com coco. Iniciou uma fase de gigantescos murais que contavam a história política e social do México, mostrando a vida e o trabalho do povo mexicano, seus heróis, a terra, as lutas contra as injustiças, as inspirações e aspirações.
Veja um pouco da obra do pintor no vídeo a seguir:




Segue o blog...

5 de dezembro de 2011

NOVO AMIGO SECRETO



Um de meus desejos de final de ano seria pegar um papelzinho daquele pote do amigo secreto e resgatar um nome de um antigo amigo. Temos muitos, que vamos adquirindo no decorrer da vida. Mas todos tivemos um classificado como o melhor amigo. Aqueles especiais, que se perderam de nós por um tempo, seriam de novo encontrados. Acho que  chegaria saudoso, mas até sem jeito por não saber mais nada sobre nossas vidas. Mas foi responsável talvez por uma parte dela. Em outro momento saberia tudo, aconselhava e os caminhos pareciam mais fáceis depois de jogar conversa fora. Por onde andou, o que fez... Agora seria este mais novo amigo que nos atualizaria, pediria um conselho, debateria a vida, traria a fórmula mágica desenhada num copo de chopp.
Outras épocas, outros problemas.
Agora queremos questões atuais, sem soluções momentâneas, o que seria mais provável. O mais importante seria revê-lo, rir das lembranças e não importar-se com o que vai acontecer daqui para frente e nem na tela da internet, onde possivelmente seria mais fácil encontrá-lo novamente.
Atualmente existe um site em que você cadastra os nomes dos amigos, ele sorteia e distribui os nomes, indicando seu amigo secreto. A partir daí, é só comprar o presente. É a vida on line.


Segue o blog...

1 de dezembro de 2011

KIT RETRÔ / MUG




Boneco da Sorte


Fênomeno dos anos 60, o boneco MUG esteve presente na juventude de muitas pessoas, e passou pelas mãos de diversos artistas como Chico Buarque e Wilson Simonal. O MUG da sorte foi tema de carnaval, charges de jornal, capa de LP, fantasia e muito mais.
Hoje o mug foi lembrado nas páginas do jornal ZH no "Almanaque Gaúcho".
Há algum tempo lembrei do mug e questionei pessoas sobre ele, inclusive compartilhei a imagem no facebook. Alguns lembram, outros não. Ele era muito simpático e dava sorte. Os músicos citados anteriormente têm histórias interessantes com o boneco da sorte.
Fica registrada a lembrança do mug com a saudade de outros tempos.


Segue o blog...lembrando sempre.

29 de novembro de 2011

IDEIA NO NOTEBOOK / POEMA





                              A ARTE DE VIVER

                     A arte de viver
                     É simplesmente a arte de conviver...
                     Simplesmente, disse eu?
                     Mas como é difícil!

                          Mario Quintana


Segue o blog...

28 de novembro de 2011

CHICO BUARQUE EM PORTO ALEGRE

Finalmente Chico Buarque em Porto Alegre com apresentações essa noite no Teatro do Sesi até quinta-feira, 01 de dezembro. Dia 02 de dezembro o show é em Novo Hamburgo no Teatro da Feevale.
Pode curtir "Meu querido diário"



Segue o blog...

MINICONTO COM TRILHA SONORA

 ENCONTRO

Eles se falavam pela internet. Ele veio de longe, em busca do conhecimento, da aproximação. Chovia muito naquele dia, mas nada o impediria de conhecê-la.
No início parecia tudo uma agradável emoção, o primeiro encontro. Uma pessoa que você fala pelo facebook, que imagina conhecer. Mas tudo não correu como o planejado. No começo, emoção. Seguido de desilusão. Infelizmente nem tudo é, exatamente como a gente quer, diz a música. E as músicas nos trazem a verdadeira palavra e aquilo que  pensamos. Quando ele foi embora, ela jurou nunca mais se aproximar de alguém dessa forma.
Um dia distraída navegando, o amor a pegou de surpresa. Agora parecia que a cena se repetiria. Ela tentou se esquivar, mas tinha algo instintivamente maior que simples códigos trocados num notebook. Ela resistiu, mas depois não hesitou em conhecê-lo. E ele era exatamente o que ela imaginara. Um cinema marcado e a magia do primeiro encontro não virtual, contrariaram a frustrada e passada expectativa. Parecia que o amor agora brincava com o mundo real.






Ouça a trilha do conto...





Segue o blog...com mais contos de internet.

25 de novembro de 2011

MINICONTO SEM CAFÉ



Naquela tarde chovia muito. O certo era seguir pelo caminho, sem parar. Ela estendia o olhar pela paisagem, encontrando cada cidade, cada indicação na estrada. A viagem de carro proporcionava isso. O livre pensar. Até que avistou uma placa: Picada Café. A cidade se chama assim, parece tranquila pela paisagem. Gostaria de ter parado em alguma cafeteria. Tomar um café em Picada Café. Seria o máximo.
Sempre vem essa dúvida em nosso pensamento. Sobre o lugar que deveríamos ter parado. O café que deveria ser servido e não foi. As pessoas que circulariam em volta de nós, talvez encontrássemos um novo amigo. Ou alguém atencioso que viesse servir o café.
Dúvidas que ficam com a gente e fazem parte da vida. Pela janela do carro, ficou só a imaginação. A imagem da cidade sumiu e depois da curva vieram outras. O café fica esperando a próxima parada.




Segue o blog...as imagens são de Picada Café- RS

24 de novembro de 2011

SOM NO KIT DE QUINTA

Kings of Leon é uma banda de rock formada em 2000 em Nashville, Estados Unidos.
Formada em família, pelos irmãos Calleb, Jared e Nathan Followill e pelo primo Matthew.

"Kings of Leon" é uma homenagem ao avô dos Followill chamado Leon.

 Ouça a música "Use somebody"
 
 
 
Segue o blog...

23 de novembro de 2011

CAFÉ ZH ESPECIAL NA TARDE DE QUARTA

Quase encerrando a noite e chego correndo aqui no blog. Hoje à tarde participei da edição especial do Café ZH no Chalé da Praça XV. Muitas atrações variadas por lá e oportunidade de rever e fazer novos amigos. No evento, editores e colunistas da Zero Hora conversaram com os leitores e registraram sugestões de pauta. Os jornalistas receberam convidados das áreas cultural, política e econômica. Gostei muito de ir ao centro de Porto Alegre, nessa tarde agradável de novembro. A entrevista com os "Papas da língua" fez com que todo mundo curtisse essa música.






Segue o blog...

22 de novembro de 2011

DIVAGAÇÃO DE TERÇA

Hoje a inspiração não bateu na minha porta. Ou a deixei ali parada, sem atendê-la, depois do toque da campainha. Lembro de só recolher o jornal e me fartar de notícias, muitas novas e outras já velhas conhecidas.
Mas amanhã ela vai voltar. E prometo mundos e fundos, histórias, contos. Vou contar um conto e certamente aumentar um ponto. Ou vários pontos. Usarei reticências. Os meus adorados três pontinhos. Eles querem dizer tanto o quanto eu imagino. Ou quem me lê, imagina. Eles não são o ponto final que estraga tudo, deixa a vida embaçada. Com os pontos vamos imaginando, continuando a história, feito novela de vários capítulos em nossa memória.
Amanhã eu prometo clipes, músicas. Aquela que faz o maior sucesso no rádio de vários tempos. Aquela que tocou você. A que todos carregamos pela vida na lembrança. Basta tocá-la, para destilar todo o poema de cada situação. O amor ou talvez uma dor quase eterna.
Amanhã prometo poetar, ser a letra de cada música. Amanhã eu prometo ser um livro, um bloco de anotações, um diário, como todo o blog que se preza.


Segue o blog...

19 de novembro de 2011

18 de novembro de 2011

IDEIA BEM NA FOTO


Ela não gostava de fotos. Escondia-se na hora do flash, desde criança era assim. Nem curtia foto de aniversário. Todo mundo tem direito de quer aparecer ou não. Mas a vida a conduziu por um caminho inesperado. Enquanto tirava fotos da turma da escola, alguém a observava. E se apaixonava por ela.
Um dia, inesperadamente se declarou. Ele não se apaixonou pela moça da fotografia, mas sim pela pessoa que tirava as fotos. De tanto ficar do outro lado, ela resolveu curtir esse dom e procurou uma especialização. Comprou uma câmera digital. E começou a produzir vídeos, com as ideias do colega de aula. Que agora virou seu namorado. Desde o início ele havia a fotografado com o olhar. Bela imagem. Inesquecível como esta pequena história de amor.


Segue o blog...criei esta história quando li o Google de hoje: uma homenagem a Louis Daguerre, que foi pintor, físico, cenógrafo e inventor na França. Ele foi o primeiro a conseguir uma imagem fixa através da ação da luz, com um processo chamado daguerreótipo. Muitos dos fotógrafos e admiradores de fotografia dos tempos atuais devem muito a descoberta dele, que fez toda a diferença para o mundo.

17 de novembro de 2011

POESIA NA NOITE DO KIT

Em Porto Alegre o ar um pouco mais frio novamente envolve a noite da cidade...vamos poetar com a lua.



LUA ADVERSA


Tenho fases, como a lua
Fases de andar escondida,
fases de vir para a rua...
Perdição da minha vida!
Perdição da vida minha!
Tenho fases de ser tua,
tenho outras de ser sozinha.

Fases que vão e vêm,
no secreto calendário
que um astrólogo arbitrário
inventou para meu uso.

E roda a melancolia
seu interminável fuso!
Não me encontro com ninguém
(tenho fases como a lua...)
No dia de alguém ser meu
não é dia de eu ser sua...
E, quando chega esse dia,
o outro desapareceu...




Segue o blog...

16 de novembro de 2011

SOM NO KIT DE QUARTA

AGORA QUE O PESSOAL VOLTOU DA PRAIA, O CÉU VOLTOU A SER DE BRIGADEIRO E O VENTO ACALMOU.
A VIDA TEM DESSAS COISAS...DIZ UMA MÚSICA.

PODE CURTIR ENTÃO O "VERÃO EM CALCUTÁ" DE NEI LISBOA



SEGUE O BLOG...

15 de novembro de 2011

ÚLTIMO DIA DA FEIRA DO LIVRO

O TEMPO E O VENTO

Para quem não encontra tempo para ler, hoje ainda há tempo de curtir o último dia da Feira do Livro em Porto Alegre.
Agora foram divulgados os mais vendidos, as maiores filas que correram contra o vento. Realmente o tempo não pára. Ele corre, como o vento e contra o vento. Esse vento negro, não campo à fora, como diz a música, mas praça à fora. Ele parece atrapalhar, mas acelera a vontade de ler. É inevitável, marca registrada da estação. Ache um tempo, organize sua vida que deve estar na corrida do tempo e encontre o espaço de sua leitura.
Lembrei de Érico Veríssimo,  escritor gaúcho, natural de Cruz Alta e  autor da obra "O Tempo e o Vento"

"A leitura da trilogia “O Tempo e o Vento” vai além do simples ato de pegar um livro e descobrir o que o escritor resolveu registrar em suas páginas. A saga das famílias Terra e Cambará, narrada por Erico Veríssimo na fictícia cidade gaúcha de Santa Fé, cobre 200 anos de história do Rio Grande do Sul e do Brasil e leva o leitor à aventura de uma vida – ou de várias vidas.
Aos olhos de quem tem medo de livro grande, sua leitura pode parecer impressionante, algo próximo do impossível, ou uma missão para aventureiros preparados, como quem escala o Everest ou resolve dar a volta ao mundo em cima de uma motocicleta ou de um veleiro. Mas Erico Veríssimo possui alguma fórmula mágica.
Os ingredientes principais talvez sejam a simplicidade, a clareza e a falta de pressa narrativa, sem contar a bagagem especial do próprio autor. E essa fórmula faz com que a leitura, uma vez iniciada, flua sem restrições. Uma vez iniciada a aventura, não há remédio, é preciso ir até o fim para descobrir o que reserva essa experiência da primeira linha ao último ponto final."

(do site Guia de Leitura)






Em geral quando termino um livro encontro-me numa confusão de sentimentos, um misto de alegria, alívio e vaga tristeza. Relendo a obra
mais tarde, quase sempre penso ‘Não era bem isto o que queria dizer’.”

(O escritor diante do espelho)



 
Segue o blog...boa leitura no feriado!

14 de novembro de 2011

NA FILA DE AUTÓGRAFOS (2)

Às vezes, por um motivo ou outro, não conseguimos chegar até a Feira do Livro. Os anos passam e as pessoas se afastam da Feira. Talvez pela facilidade de encontrar o livro de outras formas, como o digitalizado. Mas, cada um tem o seu motivo de ir até lá e eu tenho o meu. Gosto de filas de autógrafos, mas também de andar entre as bancas despreocupadamente, quase sem destino. Foi isso que fiz com a última tarde de sexta-feira. Enquanto caminhava vi a Patrona da Feira, presenciei entrevistas ao vivo, olhei os saldos de livros e encontrei uma escritora gaúcha chamada Ana Mello. Ela estava atrás de mim na fila de autógrafos da Claudia Tajes. Conversando descobri que era escritora e Ana me prometeu um livro. Quando a encontrei naquela tarde, ela lembrou desse fato e me presenteou com o livro "Minicontando". Ana Mello escreve poesias, contos e crônicas. Quando conversamos falei que também gostava de escrever e trocamos endereços de blogs.
O blog é http://minicontosanamello.blogspot.com. Acesse e saiba mais sobre a autora.



Esse foi o meu presente, autografado sem entrar na fila.
O melhor da Feira são os momentos especiais, não programados, o inusitado.



Segue o blog...

13 de novembro de 2011

TEMPOS DE FEIRAS NA PRAÇA DA ALFÂNDEGA




















Segue o blog...e a Feira do Livro de Porto Alegre encerra dia 15/11.

FRASE AO VENTO

"Às vezes ouço passar o vento; e só de ouvir o vento passar, vale a pena ter nascido."
Fernando Pessoa



Segue o blog...

SOM DO BAÚ - ANOS 70

Nem só o submarino era amarelo. Para recordar e curtir a música dos anos 70.
Ouça "Yellow river"




Segue o blog...

12 de novembro de 2011

KIT POESIA NA PRAÇA

POEMA AUTÓGRAFO
"Minha obra completa? Falta uma palavra nascida do puro silêncio, alta expressão de toda a vida."
Carlos Drummond de Andrade



TRECHO DE "CANÇÃO PARA UMA VALSA LENTA"
"Minha vida não foi um romance...
Pobre vida… passou sem enredo...
Glória a ti que me enches a vida
De surpresa, de encanto, de medo!"

Mario Quintana





                                                                  
                              Praça da Alfândega- Porto Alegre


Segue o blog...

11 de novembro de 2011

KIT NA NOITE DE SEXTA



LAST KISS COM PEARL JAM




SEGUE O BLOG...PORTO ALEGRE CURTE O SHOW.

RINGO STARR É SHOW

As melhores do Beatle Ringo Starr que Porto Alegre curtiu.


Yellow Submarine


It don't come easy


With a little help from my friends




Choose love



Hang on sloopy




The other side of Liverpool



What I like about you




Segue o blog...

10 de novembro de 2011

RINGO STARR EM PORTO ALEGRE

SOM NO KIT DE QUINTA

Pela primeira vez no Brasil, o  ex-Beatle Ringo Starr se apresenta com sua banda hoje no Gigantinho em Porto Alegre.
Vamos curtir "Never withou you".



Segue o blog...

7 de novembro de 2011

MAIS DA FEIRA DO LIVRO: PREVISÃO ÓBVIA DO TEMPO



O vento é o personagem mais tradicional da Feira do Livro de Porto Alegre. Ali as folhas correm contra o tempo. Se você não está gostando da obra, talvez ele o ajude a folhear mais rápido. Se você gostou muito do livro, o vento lhe ajuda a fechá-lo rapidamente, como se fosse propriedade só sua por um momento. O vento é curioso, não lhe deixará ficar só no prefácio. Definitivamente, ele não é organizado. E nada melhor que o vento para refrescar a memória, escabelar e revirar as páginas de seu jornal. Mas sempre depois dele vem a chuva. Essa é mais presente ainda. Penso sempre que ela não venha na inauguração, para deixar tocar tranquila a sineta. O vento venta na feira. E vai levando as letras e as palavras. Palavras ao vento. Quando sentir os primeiros pingos na tela do seu computador, corra ao café mais próximo, se esconda no guarda-chuva, ganhe um abraço para se proteger, fuja com seus livros envolvidos, feito capa de chuva e se abrigue. E veja esse lado bom de também curtir a feira, tomar um café, olhando a chuva passar. A chuva passará. Tenha fé. Está mais do que provado. E aí virá aquele céu azul. De brigadeiro. E dará a ela um cenário inesquecível, com contorno lilás, recheado de livros. Uma livre escolha, em suas mãos.


Segue o blog. Segue a feira até 15/11.

6 de novembro de 2011

O BOM SENSO DO AUTÓGRAFO

Compramos tantos livros e depois de lidos guardamos na prateleira. Um certo dia podemos reler a obra ou passar os olhos por ela. Ou até nem sentir saudades. Nos que mais gosto sempre encontro um autógrafo. Pelo simples prazer de ter falado com o autor, sem sentir o cansaço de uma fila.
Esses dias, no final da entrevista do censo, a moça depois de vários questionamentos, pediu para assinar na pequena telinha onde ela assinalava minhas respostas. E me oferecendo uma caneta, ficou digitalizada minha rubrica, como prova que eu passei por aquele processo.
Por um momento pensei nos meus livros, no autógrafo tão original. Volto à prateleira para admirar os meus.



SEGUE O BLOG...

5 de novembro de 2011

SOM NO KIT DE SÁBADO

Ouça Phil Collins com "Going Back".
Pode curtir o som nesse sábado nublado com saudades do céu de brigadeiro, que rolou toda semana passada em Porto Alegre.




Segue o blog...

MINICONTO

O SOFÁ

Na semana dos namorados talvez ele tenha ficado saudoso. Enquanto esticava a manta do seu sofá preferido e organizava os cadernos dos jornais espalhados por lá. Lembrou de tudo. Quarta-feira era o dia do sofá. Tempos em que ele era mais romântico, um amante à moda antiga, sim do tipo que mandava flores, como na música. E tinha amasso no portão. Primeiro a pediu em namoro, isto significava ter direito ao sofá. Noites e noites namoraram, roubaram beijos na saída, espiaram se alguém vinha vindo. Nem falaria isso aos filhos. A sua filha então, nem pensar. Agora o sofá está partido ao meio nas quartas-feiras à noite, metade futebol, metade notebook. Quase uma central de internet, uma lanhouse mesmo. E todo mundo pula e torce pelo time por ali. E a pipoca rola solta, chocolate, guaraná. Tudo mudou. Claro, o mundo está em evolução. E ele continua afofando o sofá e pensando. Tudo era tão romântico, até ganhar flores. O que seria ganhar uma rosa hoje? Nada diferente do que um cartão virtual. Ele vem se abrindo, com trilha sonora, tudo é muito bonito. Chega a ser emocionante, mensagens profundas, do fundo da alma. E ele suspira. E sente falta do seu tempo, tenta adaptá-lo ao atual, mas a lembrança não permite comparações. Preservou o sofá, foi seu maior defensor durante anos, o esticou direitinho. Agora ele olha a filha sorrindo para a tela do notebook. Ela ri e digita. Dá mais um sorriso largo. Às vezes parece falar sozinha. Ouve música, canta e volta a digitar. Por um lado ele fica até feliz. Lá no velho sofá, com o computador no colo, em plena quarta-feira, ela está namorando. No facebook.





Segue o blog...

2 de novembro de 2011

MÚSICA EM QUESTÃO

A letra dessa música de Noel Rosa, compositor brasileiro de Vila Isabel, fez parte de uma questão das provas do Enem de 2011.
Comentava que as canções do poeta, apesar da preocupação do artista com seu tempo e com as mudanças político-culturais do Brasil no início dos anos 1920, ainda são modernas.
Ouça a música "Não tem tradução"




Segue o blog...

1 de novembro de 2011

PORTO ALEGRE É UM CONTO

O mês de novembro em Porto Alegre chega com uma temperatura um pouco mais fria pela manhã. E com vento. Céu azul. Conta-se que numa tarde, as pessoas caminhavam pela Rua da Praia, chegando na Praça da Alfândega. Lá estava instalada uma feira do livro. Em torno da praça acomodavam-se várias cafeterias, com suas mesas atrativas. Em cada uma delas, pessoas com laptops e ipads, atentamente observavam, liam e manipulavam telas. O cheiro do café espalhava-se pelo ar atraia as pessoas. Tudo que acontecia poderia ser online, mas os escritores resolveram sentar junto aos seus leitores e conversar. Poderiam surgir só na tela, digitalizar autógrafos, mas estavam entre as mesas, paticipando também. Foram realizadas entrevistas, as pessoas escreviam direto impressões em seus notebooks, outros fotografavam e ainda havia os que comentavam e debatiam livros , registrando tudo online. Realmente a feira tinha um jeito diferente. A digitalização poderia ter mudado o formato, congelado a imagem, tornado a feira mais fria. Mas não, o homem conseguiu ser criativo e misturar a emoção e a evolução, formando uma proposta inovadora, beneficiando a tudo e a todos. Desenhou-se a nova feira na tela, não deletando a tradição. Surgiu uma nova ideia, sem perder de vista a atração principal, a leitura.










Segue o blog. A rua da Praia, cujo nome oficial é Rua dos Andradas, é uma das mais tradicionais e antigas de Porto Alegre. Em seu trecho central fica a Praça da Alfândega, área onde se concentra o comércio, já que ali existia o cais de desembarque desde 1799, quando recebeu seu primeiro calçamento.

31 de outubro de 2011

POR DENTRO DA FEIRA DO LIVRO EM PORTO ALEGRE



AUTÓGRAFOS DA FEIRA DO LIVRO DE PORTO ALEGRE EM NOVEMBRO:


 DIA 03/11/2011:

18:00 hs : LEGALIDADE - 50 ANOS DEPOIS (DA OFICINA DE CRIAÇÃO LITERÁRIA
DE ALCY CHEUICHE)
SESSÃO DE AUTÓGRAFOS NO MEMORIAL RS - SALA DOS JACARANDÁS


 DIA 03/11/2011:

19:30 hs : "POR ISSO EU SOU VINGATIVA - CLAUDIA TAJES
PRAÇA DE AUTÓGRAFOS


DIA 05/11/2011:

16hs30min -  "FELIZ POR NADA" DE MARTHA MEDEIROS
PRAÇA DE AUTÓGRAFOS




DIA 07/11/2011:

18:30 hs - "UM TREM PARA A SUIÇA" DE DAVID COIMBRA
PRAÇA DE AUTÓGRAFOS


 "David Coimbra, através da radicalidade do texto, da entrega ao assunto, acaba por transcender a matéria jornalística para chegar à verdadeira literatura. Isto é, provoca aquilo que é mais raro na relação autor e leitor: o prazer de ler." (do site da L&PM)


SEGUE O BLOG...

28 de outubro de 2011

HISTÓRIAS DA FEIRA (1)



Quando vejo um dia tão lindo em Porto Alegre, com céu de brigadeiro, como dizem, não deixo de lembrar outras inaugurações de Feiras do Livro. O mais temido não era o vento, mas sim o temporal inesperado nos finais da tarde. Quando tocava a sineta, anunciando o início de nova feira, muitas vezes o pessoal correu para se abrigar da chuva. O vento nunca atrapalhou porque ele fazia parte. Folheava o livro de alguém distraído, que sentava nos bancos ou circulava por lá.
A feira sempre tem suas novidades, pode ficar mais informatizada, mas sempre tem a mesma essência: a praça.
O melhor da feira é conhecer um livro novo, sentar na cafeteria ou poder conversar com o próprio autor do livro que você leu. E ainda ganhar um autógrafo. Entre outras escolhas, essas são as minha preferidas.
Cada um encontra o seu melhor momento na feira.



Segue o blog...curtindo a Feira do Livro

27 de outubro de 2011

FEIRA DO LIVRO EM PORTO ALEGRE



  FEIRA DO LIVRO EM PORTO ALEGRE
  DATA: DE 28/10 A 15/11/2011
  LOCAL: NA TRADICIONAL PRAÇA DA ALFÂNDEGA
                  E CAIS DO PORTO (INFANTO-JUVENIL)




SEGUE O BLOG...AGUARDE AS DICAS DA FEIRA

25 de outubro de 2011

TRILHA DE NOVELA

TODA MÚSICA QUE SE TORNA ESPECIAL PARA A GENTE, TEM AQUELE EXATO MOMENTO EM QUE NOS ENCANTAMOS POR ELA.


OUÇA O "EXATO MOMENTO" DE ZÉ RICARDO, QUE FAZ PARTE DA TRILHA DA NOVELA "AQUELE BEIJO".



SEGUE O BLOG...NESSE DIA ESPECIAL DE ANIVERSÁRIO DA NOSSA AMIGA CARIÚCHA SIMONE MARTINS. PARABÉNS, AMIGA!!!!

24 de outubro de 2011

IDEIA DE UM BLOG

“Sentado na cafeteria
pela porta
vejo a vida a passar
pessoas por toda a parte
e a chuva não tarda a chegar.”




Segue o blog...direto de Lisboa

21 de outubro de 2011

IDEIA DE SEXTA

PARA OS ÚLTIMOS ROMÂNTICOS DO FINAL DE SEMANA.
DEIXAMOS TUDO COM LIONEL RICHIE.



Segue o blog...

18 de outubro de 2011

CAFÉ À BRASILEIRA


            Essa imagem de Fernando Pessoa no "Café à Brasileira" na cidade de Lisboa, em Portugal inspira o nosso dia. Segue um poema.


Ao longe, ao luar,
No rio uma vela
Serena a passar,
Que é que me revela?
Não sei, mas meu ser
Tornou-se-me estranho,
E eu sonho sem ver
Os sonhos que tenho.
Que angústia me enlaça?
Que amor não se explica?
É a vela que passa
Na noite que fica.
(de Antologia de Fernando Pessoa)


Segue o blog...A foto de viagem foi enviada pela leitora-irmã Clarice de Oliveira Freitas.


17 de outubro de 2011

CONTORNO



Somos o contorno de nossas vidas. Nascendo à beira-mar, em frente ao rio ou em outro lugar, a partir daí criamos uma trajetória. Os caminhos que partem dessa origem e nos levam ao trabalho, ao estudo, ao lazer fazem parte do desenho que traçamos para nosso dia a dia. 
A direção é  a meta que criamos para cada um de nós. O que encontraremos pelo caminho são portos, onde ancoramos e convivemos, através de nossos problemas, soluções e ideias. Dali partimos. E chegamos. Sempre as mesmas questões que se repetem,  ao amor e outros tantos sentimentos, aventureiros que somos.
A vida gira em torno de tudo isso.



"Já não procuro a palavra exata
que me pudesse explicar:
ando pelos contornos onde todos os significados
são sutís,são mortais."
(trecho de poema de Lya Luft)


Segue o blog...